Biografia

Steve Carell havia feito inúmeras participações em séries de comédia na televisão americana até meados de 2005. Suas performances ecléticas foram bem exploradas nestes programas nos quais ele por vezes interpretava vários personagens. Só que naquele ano específico, Steve Carell protagonizou a comédia “O Virgem de 40 Anos” e viu sua carreira decolar. Voltou às series com o excelente “The Office”. Logo na sequência, emendou “Pequena Miss Sunshine” (2006), um longa lembrado pelo Oscar na época. Posteriormente seguiu para ser o protagonista “Maxwell Smart” em “Agente 86” (2008).

Outra boa passagem de Carell nos cinemas aconteceu em “Meu Malvado Favorito” (2010) e suas sequências. Na trilogia ele cede a voz para “Gru”. Logo depois da dublagem do primeiro dos três títulos da saga, o astro viu a parceria de “O Virgem de 40 Anos” com Paul Rudd repetir-se em “Um Jantar para Idiotas” (2010).

Mas não podemos repassar a carreira do norte-americano sem citar o drama “A Grande Aposta” (2015), vencedor do Oscar de Melhor Roteiro Adaptado em 2016. Na eletrizante trama alguns pequenos empresários e corretores revolvem apostar muito dinheiro na quebra do sistema imobiliário dos EUA. Sua capacidade de interpretar também já foi testada em outros gêneros, como por exemplo, em “Café Society” (2016), de Woody Allen.

Também com Steve Carell:

Foxcather: Uma História que Chocou o Mundo (2014)

A Guerra dos Sexos (2017)

A Melhor Escolha (2017)

Querido Menino (2018)

Veja outras notícias relacionadas a Steve Carell:

Saiba mais sobre “Café Society”, de Woody Allen