Biografia

Embora tenha o talento mais do que comprovado hoje em dia, Michael Keaton tentou a sorte no stand-up comedy e até mesmo como câmera em um canal de televisão antes da fama como ator. Teve também diversas participações em pequenas séries uma vez que já estava inserido no mercado como ator. O primeiro sucesso foi com o esperto personagem “Bill Blazejowski” no longa “Corretores do Amor” (1982).  Depois de alguns anos veio a parceria com o diretor Tim Burton. Essa dupla trabalhou junta nos títulos “Os Fantasmas se Divertem” (1988), “Batman” (1989) e “Batman: O Retorno” (1992).

Em seguida aos anos 1990, Michael Keaton ficou um bom tempo sem gravar um filme de destaque. Neste meio tempo, entretanto, mandou muito bem na dublagem de “Toy Story 3” (2010) e “Minions” (2015). Mas rapidamente o astro voltou à tona ao participar do remake de “RoboCop”(2014). Na sequência ainda vieram os aclamados “Birdman” (2015) e “Spotlight: Segredos Revelados” (2015). O primeiro o levou a ser indicado pela primeira vez a um Oscar. No caso, de Melhor Ator.

Posteriormente interpretou “Ray Kroc” em “Fome de Poder” (2016), longa que conta a história do magnata responsável pela popularização do McDonald’s no mundo. Em 2017, foi o vilão “Vulture” em “Homem-Aranha de Volta ao Lar”.

Também com Michael Keaton:

De Médico e Louco Todo Mundo Tem um Pouco (1990)

Herbie: Meu Fusca Turbinado (2005)

O Assassino: O Primeiro Alvo (2017)

Veja outras notícias relacionadas a Michael Keaton:

História do McDonald’s é contada em “Fome de Poder”