Biografia

Christopher Nolan já havia feito alguns pequenos trabalhos quando produziu “Amnésia” (2000), seu primeiro longa feito para ir às telonas. E já em sua estreia, Nolan mandou muito bem e foi indicado ao Oscar na categoria “Melhor Roteiro Original”. Em seguida dirigiu Al Pacino, Robin Williams e Hilary Swank em “Insônia” (2002).

O cineasta definitivamente popularizou seu trabalho quando assumiu a função de comandar uma nova saga do “Batman” com Christian Bale no papel principal. E o fez com brilhantismo já que muitos consideram sua trama do “Homem-Morcego” a melhor de todas. Sendo assim, para quem ainda não viu essa emocionante história repleta de revivoltas vale muito a pena maratonar “Batman Begins” (2005), “Batman: O Cavaleiro das Trevas” (2008) e“Batman: O Cavaleiro das Trevas Ressurge” (2012).

No final da década, Christopher Nolan teve seu filme “A Origem” (2010) aclamado pela crítica. O título foi indicado ao Oscar de “Melhor Filme” em 2011. Ainda nesta década, o diretor foi ao limite da imaginação humana com o estrondoso sucesso de “Interestelar” (2014). Mais tarde o britânico teve novamente um longa lembrado pela Academia do Oscar para disputar a honra de ser “Melhor Filme”, desta vez, em 2018. Mas foi ainda mais longe nesta  oportunidade em questão estendendo sua performance para uma indicação de “Melhor Diretor” por “Dunkirk” (2017).

Veja mais notícias sobre Christopher Nolan:

Veja cinco motivos para assistir “Dunkirk” (2017)