Morte de “Odin” garante a libertação de “Hela”

“Thor: Ragnarok” é o terceiro filme do herói e o 17º longa do Universo Cinematográfico da Marvel. Chris Hemsworth repete o papel de protagonista nesta sequência que ainda tem no elenco outros importantes nomes. A obra apresenta bastante ação sem perder o forte tom para o humor que fez da saga um sucesso. Clique aqui para assistir!

Anos após a batalha de “Sokovia”, “Thor” (Chris Hemsworth) fracassou na missão de encontrar as “Joias do Infinito” e para piorar ainda acaba abatido pelo demônio de fogo”Surtur” (Clancy Brown). Eventualmente a besta revela que o “Odin” (Anthony Hopkins), pai de “Thor”, não se encontra mais em “Asgard”. Ainda será possível para o “Surtur” unir sua coroa com a “Chama Eterna”, proveniente do cofre de “Edin”, e assim tonar possível a profecia de “Ragnarok”.

Porém, “Thor” consegue derrotar o inimigo, o que faz com ele acredite que a maldição de “Ragnarok” nunca se concretizará. Em seguida, o “Deus do Trovão” segue de volta para “Asgard” para encontrar seu irmão “Loki” (Tom Hiddleston) que estava fingindo ser “Odin”. Eles logo partem em busca do pai deles. O que eles conseguem finalmente após a ajuda de “Stephen Stranger” (Benedict Cumberbatch).

Se liga no trailer de “Thor: Ragnarok”: 

“Odin” explica que está morrendo e que quando isso acontecer sua primeira filha “Hela” (Cate Blanchett) será libertada imediatamente. Ela havia sido preso há muitos anos após liderar o exército de “Asgard” e ajudar seu pai a conquistar os “Nove Reinos”. Mas acabou apagada da história por consequência de sua perigosa ambição.

Logo após o fim de “Odin”, ela retorna. E prontamente enfrenta “Thor” numa batalha que acaba sendo trágica para ele. Afinal, a “Deusa da Morte” destrói “Mjolnir”, o implacável martelo do herói. E durante uma viagem pela “Bifrost”, os irmãos acabam sendo jogados no espaço sideral para a morte, enquanto a vilã se prepara para destruir “Asgard”.

“Thor” acaba no terrível planeta “Sakaar” onde termina sendo escravizado pelo “Grão Mestre” (Jeff Goldblum), governante do local.  Mais precisamente, o herói é colocado para lutar como gladiador no “Torneio dos Campeões”. “Hulk” (Mark Ruffalo) também está lá e eles acabam se enfrentando. Enquanto isso, “Hela” ressuscita os mortos que um dia lhe ajudaram e elimina os “Três Guerreiros” e todo o exército de “Asgard”.

Compartilhe: