Série está dando o que falar e terá continuação

É verdade, “Euphoria” vai ganhar uma segunda temporada na HBO. No último mês de dezembro, a emissora confirmou, através de seu Twitter oficial, a continuação da história que fez muito sucesso recentemente como uma das melhores séries do ano passado. Então já passou da hora de saber mais sobre essa produção com temática adolescente. E que vem causando bastante polêmica. Clique aqui para assistir!

A trama se passa sobre a perspectiva de “Rue” (Zendaya). Ela é uma adolescente que acaba de sair de uma clínica de reabilitação após o uso excessivo de drogas. Começamos a série vendo “Rue” voltar à escola e ao resto de sua rotina normal. Evidentemente, este retorno é cheio de expectativas, conflitos e olhares curiosos. Só que esse período afastada parece não ter sido o suficiente para afastá-la das drogas.

O relato da protagonista muitas vezes mistura a realidade com fantasia, afinal, ela passa boa parte do tempo sob o efeito de algo. “Rue” na realidade começou esse padrão de abusos bem cedo devido aos problemas de saúde de seu pai.

Como resultado, ela acabou se isolando das pessoas, fato que muda com a chegada da garota trans “Jules” (Hunter Shafer). As duas percebem rapidamente que têm uma ligação especial e começam um relacionamento amoroso.

Se liga no trailer da primeira temporada de “Euphoria”: 

“Euphoria” foi um sucesso em sua primeira temporada e não à toa causou tamanha comoção com a confirmação de sua continuação. E podemos afirmar que essa repercussão positiva é justa pois a trama é extremamente realista quanto ao dia-a-dia retratado da Geração Z.

As cenas de sexo, drogas, brigas, bullying, descoberta da sexualidade, gravidez são bem realistas. E diante de um tom mais sombrio e pesado do que as séries adolescentes costumam seguir.

Certamente os que acompanharem “Euphoria” vão se deparar com outros temas ainda mais complexos e espinhosos. O que apimenta muito a série da HBO, dirigida por Sam Levinson. Nos Estados Unidos, ela foi considerada “pesada” por parte da audiência. Mas talvez seja porque ela nada mais é do que o reflexo da intensidade desta geração de jovens.

Confira o post que garantiu a continuação da série: 

Veja outras notícias relacionadas:

Se liga nos filmes do “Homem-Aranha” disponíveis no NOW

 

 

Compartilhe: