Resultado de imagem para rick grimes

Usuários promoveram enquetes no fórum Reddit

Na semana passada, os fãs de The Walking Dead tiveram a confirmação que o protagonista da série, Andrew Lincoln, não integrará mais o elenco na nona temporada da produção. Desde então, os amantes da série se dividem nas redes sociais e enquanto alguns acreditam que a saída do personagem é necessária, outros consideram que seja uma grande perda para a história.

Alguns admiradores da série zumbi se movimentaram e criaram uma petição online, que pede a permanência do personagem na trama e já conta com mais de 10 mil assinaturas.

Dada à polêmica que envolve a saída do ator do seriado, os fãs resolveram fazer enquetes no fórum Reddit, famoso espaço de discussão de filmes, séries e mundo das celebridades. Uma das perguntas foi se Rick deveria morrer ou simplesmente deixar a série. 51% dos internautas declaram preferir a morte do policial e 49% gostariam que ele fosse embora.

Quando questionados a respeito da continuidade de The Walking Dead sem o personagem, 72% dos internautas votaram pelo fim da série após a nona temporada.

Mas o dado dessa pesquisa que mais chamou atenção é que a maioria dos fãs do seriado deixou claro que não continuarão assistindo a série após a saída de Rick. Apenas 18,8% votaram que permanecerão assistindo, enquanto 36,9% optaram por ‘’talvez’’ e 44,3% declararam que vão parar de acompanhar a trama.

Como ainda é incerto quem será o novo protagonista da trama e muito se fala disso, a pesquisa também apontou a preferência do público para que Negan (Jeffrey Dean Morgan) assuma o papel principal, com 40% dos votos.

Outra personagem que deixará a série é Maggie (Lauren Cohan), que provavelmente aparecerá apenas nos primeiros episódios da nona temporada. A AMC ainda não oficializou a data de estreia da nova temporada, mas a tendência é que aconteça em outubro deste ano, exibida.o Brasil pelos canais FOX Premium e FOX.

Para assistir a todas as temporadas de The Walking Dead, clique aqui 

Ainda não é cliente NET? Clique aqui e assine