Zac Efron é sua versão mais jovem

Entre tantos e tantos longas com a premissa de troca de corpos e viagens no tempo, “17 Outra Vez” traz uma nova visão sobre o gênero, dessa vez, dentro do high school norte-americano. Imaginário este que tanto marca os filmes amados por nós brasileiros. Clique aqui para assistir!

Em “17 Outra Vez” temos Zac Efron (Ted Bundy: A Irresistível Face do Mal) e Matthew Perry (Friends) interpretando o mesmo personagem. Como resultado temos um “Mike O’Donnell” amargurado em um primeiro momento e que em seguida se enche de esperança.

Confira o trailer de “17 Outra Vez”:

Tudo começa em meados dos anos 1980 em um high school dos Estados Unidos. “Mike” é o típico atleta muito bem-sucedido. Bonito e destaque do time de basquete do colégio. Além disso, também arrisca bons passos de dança no momento de animar a torcida. Diante deste cenário, ele com toda a certeza imagina estar em breve em uma grande universidade jogando basquete.

Mas o destino tinha outros planos para o jovem astro. Afinal sua também popular namorada “Scarlet” está grávida. Instantes antes de uma partida importante, ela o avisa desta bombástica notícia. E “Mike”, apaixonado por sua namorada, abandona tudo para viver esse romance.

15 anos mais tarde, entretanto, o conto de fadas virou pesadelo. O casal não se entende e está prestes a se separar.  “Mike”e seus dois filhos adolescentes também não andam muito próximos. Quanto ao trabalho, nada muito diferente. E assim, a vida deste agora adulto, não lhe agrada em nada.

Desiludido, “Mike” segue até seu antigo colégio para lembrar dos velhos tempos de glória. Logo após a breve visita (e após um incomum papo com o zelador) uma estranha coisa acontece com ele, que volta a ter 17 anos novamente. Mas “Mike” não volta no tempo, somente recupera seu corpo. Tendo assim a possibilidade de conviver com seus filhos adolescentes e sua frustrada esposa.

Uma rara chance de tentar alterar o seu destino. E para isso ele vai precisar da ajuda do seu bom e velho amigo “Ned” (Thomas Lennon). Esses dois vão se passar por pai e filho para que consigam inscrever “Mike” no colégio novamente.

 

Compartilhe: