Longa foi escrito e dirigido por Edgar Wright

“Baby” (Ansel Elgort) é sem dúvida um cara diferente. Para começar, está o tempo todo usando headphones para ouvir músicas altas. Isso porque sofreu um acidente ainda pequeno que resultou em ruídos permanentes em seus ouvidos. De quebra, ele ainda é um craque ao volante. Tanto que é motorista “titular” de uma esquematizada gangue de bandidos comandada por “Doc” (Kevin Spacey). “Em Ritmo de Fuga” foi lançado em 2017 e contou com três indicações ao Oscar. Clique aqui para assistir!

Antes de tudo é preciso ressaltar que “Baby” não é exatamente feliz com o que faz. Muito pelo contrário. Ele só está neste esquema criminoso para pagar uma antiga dívida com “Doc”. Tanto que o chefão fica sempre com sua parte dos lucros.

Mas na realidade o líder da gangue conta mesmo é com as habilidades do garoto, uma vez que ele é sempre o único nome do grupo que não muda e está sempre ao volante. Só que os talentos do garoto vão bem além disso, e também agregam um nível especial de atenção e a capacidade sobre-humana de realizar leitura labial.

Se liga no trailer de “Em Ritmo de Fuga” : 

Desde o início da trama acompanhamos o mix dos ingredientes música, humor e ação em assaltos cada vez mais perigosos. Cada cena de fuga recebe a mesma música que “Baby” ouve em seus headphones.  Além disso, soma-se a essa trama a paixão súbita do jovem pela pacata “Debora” (Lily James).

Também personagens bem interessantes interpretados por bons atores. É o caso do estourado “Bats” (Jamie Foxx) e o calculista “Buddy” (Joe Hamm). “Griff” (Jon Bernthal), “Darling” (Eiza González) e “Eddie” (Flea) complementam ainda o time dos assaltantes.

A parte final do filme ainda merece ser destacada, principalmente pelo diretor Edgar Wright ter evocado alguns elementos de filmes clássicos de Quentin Tarantino. Deu muito certo! “Em Ritmo de Fuga” foi lembrado pela Academia do Oscar nas categorias “Melhor Edição”, “Melhor Edição de Áudio” e “Melhor Mixagem”. Entretanto, acabou não levando nenhuma estatueta.

Veja mais notícias sobre os melhores filmes e séries:

NOW: títulos com Emma Watson vão da comédia ao drama

 

 

 

Compartilhe: