Ator faz parceria com Paul Dano (Pequena Miss Sunshine)

“Um Cadáver para Sobreviver” (2016) é definitivamente um filme estranho. Estranho e subjetivo. Dito isso, também é necessário dizer que o longa dirigido por Daniel Kwan e Daniel Scheinert tem uma inusitada parceria entre os personagens de Daniel Radcliffe e Paul Dano que vale a pena conhecer. Clique aqui para assistir!

O que de concreto temos na trama de “Um Cadáver para Sobreviver” (2016) é que “Hank” (Paul Dano) é um homem largado e solitário. E sem dúvida, meio maluco. Até porque ele se encontra perdido em uma ilha deserta. Seu desespero é tanto que ele está prestes a se matar. Mas bem diante do ato final, ele se depara com um corpo.

Pôster do filme "Um Cadáver para Sobreviver" com Paul Dano e Daniel Radcliffe

Paul Dano e Daniel Radcliffe em pôster de “Um Cadáver para Sobreviver” (2016)

Apesar de morto, o corpo ainda solta gases. Eles são tão intensos que são capazes de decolar “Hank” pela ilha. Só neste início fica bem claro o tamanho do surrealismo que vem pela frente. Aos poucos “Manny” (Daniel Radcliffe) vai milagrosamente recuperando algumas noções do próprio corpo, como a fala, por exemplo. O “ex-cadáver” surpreendentemente se mostra também uma fonte inesgotável de água.

Esse encontro pouco provável é o suficiente para renovar as esperanças de “Hank”. Também lhe permite uma jornada de autoconhecimento, apesar de surreal. Os diálogos então merecem receber uma atenção especial. Os dois logo iniciam uma jornada em busca sabe-se lá de quê.

Se liga no trailer de “Um Cadáver para Sobreviver”:

E essa aventura irá se tornar, inegavelmente, ainda mais imprevisível no momento em que “Hank” apresenta a seu cadáver a jovem “Sarah” (Mary Elizabeth Winstead). Apesar de casada e com filho, ela é capaz de despertar o interesse de ambos e ainda fazer com que “Manny” desejasse estar morto novamente. Algo perigoso devido à conexão com “Hank”.

Confira outras notícias relacionadas:

NOW: títulos com Emma Watson vão da comédia ao drama

 

 

 

Compartilhe: