Clássico com Tom Cruise está próximo de ganhar uma sequência

“Top Gun: Ases Indomáveis” (1986) tornou-se um marco na carreira de Tom Cruise, Val Kilmer, Kelly McGillis e de todo o restante do elenco presente neste clássico dos anos 1980. A obra, que teve a brilhante direção de Tony Scott, segue a rivalidade de dois pilotos de elite que buscam o título de piloto “Top Gun” de uma academia de excelência.  Clique aqui para assistir! 

Cenas no ar

As cenas de ação são fantásticas, sobretudo as que se passam nos ares. Especialmente se tratando de um longa que já tem mais de 30 anos. Só que apesar de comparado aos efeitos especiais rebuscados de hoje, é facilmente possível se empolgar com as acirradas e emocionantes disputas entre os caças.

Roupas e os óculos

O estilo dos anos 1980 é retratado com até certo exagero em “Top Gun: Ases Indomáveis” (1986) e certamente este é um dos motivos que tornam o filme inesquecível. Os óculos modelo aviador são marcas registradas deste título. Outro exemplo são as jaquetas “Top Gun”, as quais somente os pilotos de lá podem usar.

Diálogos

A rivalidade entre “Maverick” (Tom Cruise) e “Iceman” (Val Kilmer) foi um dos grandes marcos da obra, e muito graças ao talento de ambos os atores envolvidos. Para que a tensão subisse quando os dois se desafiassem seria preciso um diálogo forte, com falas marcantes. E foi exatamente o que o longa entregou tanto em inglês, como em português.

Val Kilmer (Iceman) e Tom Cruise (Maverick) em cena de "Top Gun: Ases Indomáveis" (1986)

Val Kilmer e Tom Cruise em cena de “Top Gun: Ases Indomáveis” (1986)

Trilha Sonora

É provável que muitas destas músicas já não sejam mais associadas ao filme como no momento de seu lançamento. Mas podemos citar “Take My Breath Away”, da banda Berlin e vencedora do Oscar de Melhor Canção Original, “Danger Zone” e “Playing with the Boys”, de “Kenny Loggins, e “Great Balls of Fire”, de Jerry Lee Lewis, entre outras tantas.

Veja um vídeo com “Danger Zone” de Kenny Loggins:

Revival da história

Tom Cruise e Val Kilmer estão confirmados ao lado de Jennifer Connelly em “Top Gun: Maverick” (2021). A história terá finalmente uma continuação após tantos anos. Reassistir este clássico então tornou-se missão obrigatória para quem aguarda ansiosamente ou ainda vai conhecer a sequência desta saga.

Confira outras notícias relacionadas a “Top Gun: Ases Indomáveis” (1986) :

Cinco motivos para rever “Top Gang! – Ases Muito Loucos”

Compartilhe: